12323 Um tumblr apenas com fotos de vaginas quer desafiar os padrões de beleza da era do XVideos - Oene
beta

Um tumblr apenas com fotos de vaginas quer desafiar os padrões de beleza da era do XVideos


É um dilema definir quem é a porta-bandeira oficial da cirurgia íntima no Brasil. Ângela Bismarchi? Geisy Arruda? Ex-BBB fulaninha nos preparativos para posar para a Playboy? Vai saber. O fato é que a cirurgia íntima não só é um assunto frequente entre as notícias de celebridades (e excesso de informação compartilhadaaa!), como é uma […]

É um dilema definir quem é a porta-bandeira oficial da cirurgia íntima no Brasil. Ângela Bismarchi? Geisy Arruda? Ex-BBB fulaninha nos preparativos para posar para a Playboy? Vai saber. O fato é que a cirurgia íntima não só é um assunto frequente entre as notícias de celebridades (e excesso de informação compartilhadaaa!), como é uma forte tendência entre as mulheres do mundo inteiro. Segundo a Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica, em 2011 foram feitas 9 mil rejuvenescimentos vaginais somente no Brasil e estima-se que o número tenha crescido 50% em 2012. Nos Estados Unidos, os números de cirurgias íntimas já alcançaram 1,5 milhão (!). A culpa é da tal da indústria dos padrões de beleza, como sempre. Mas, pelo menos em um lugarzinho da internet — ah, a internet! — uma jovem luta contra estes padrões com o Tumblr/projeto chamado “Large Labia Project” (NSFW).

A criadora do projeto, a australiana Emma, de 24 anos de idade, explica no campo “Sobre” do Tumblr que ela decidiu criá-lo porque ama seus lábios maiores do que o normal, mas algumas mulheres não amam os delas. “Muitas mulheres vêem imagens pouco realistas e ouvem opiniões erradas, pensando que seus lábios deveriam ser menores e invisíveis para serem ‘normais’. Este blog tenta combater esta visão mostrando como perfeitamente normais e bonitos são os lábios vaginais grandes”, diz Emma, deixando um link para as fotos dos seus próprios lábios vaginais como um convite para as visitantes do site postem fotos das suas genitálias “diferentes”.

Ao passear pelo “Large Labia Project”, a primeira impressão é de um Tumblr ousado e estranho, cheio de fotos de vaginas comuns ou nem sempre tão comuns, intercaladas com textos quase sempre curtos. As imagens mostram que algumas mulheres têm os pequenos lábios maiores do que os grandes lábios e que às vezes o mesmo órgão tem cores diferentes. Ou clitóris avantajados. Ou enormes grandes lábios. Porém, logo percebe-se que há algo muito maior no tal site de layout rosa claro, como lindas mensagens de vida e aceitação do corpo.

Os textos que acompanham as fotos revelam histórias diversas sobre mulheres com diferentes idades e experiências. Algumas delas se repetem: muitas mulheres contam que sentiram vontade de cortar suas partes íntimas quando eram crianças, que se sentiam estranhas com relação às outras mulheres e que sentiram medo de que um parceiro olhasse com nojo para sua vagina e desistisse de transar.

“The Great Wall of Vagina”, do artista britânico Jammie McCartney

As mulheres participam ativamente das postagens e se dão “força” contando como superaram os complexos com suas partes íntimas. Uma senhora de 60 anos contou que só conseguiu se sentir bem consigo mesma depois de perceber que o problema não era ela (isso aconteceu depois do fim de dois casamentos). Uma jovem de 23 anos conta que colocar um piercing vaginal ajudou aceitar que sua vagina era diferente e a se sentir “badass”. Outra leitora disse que amou o site porque ela sempre se revolta com as tendências de vaginas. “TENDÊNCIAS PARA PARTES DO CORPO? SÉRIO??”, gritou. Por outro lado, elas contam que apesar do medo de não serem aprovadas pelos homens, muitas delas disseram que seus parceiros até já fizeram comentários sobre seus lábios, reconhecendo que eles realmente são longos, grandes, desproporcionais entre si, e que, mesmo assim, continuam sendo sexy.

Ué, se os muitos homens acham as vaginas “diferentes” algo ok, então porque este padrão existe? Emma teoriza que uma das grandes responsáveis por esta paranoia pelo formato vaginal perfeito é a pornografia. “Uma enorme geração de jovens mulheres que cresceu com rápido acesso a internet está aprendendo sobre seus corpos e sexualidade através desta mídia. Às vezes a primeira e a única forma das garotas olharem para as genitais de outras garotas é através da pornografia. Mas o pornô está dando uma falsa visão de como as mulheres reais são. Então, as mulheres se comparam com o que elas vêem em suas telas e acham que há algo de errado”, diz Emma, em uma entrevista para a Salon.

A autora do “Large Labia Project” conta que recebe milhares de emails elogiando a iniciativa. No Tumblr, ela responde aos questionamentos de forma bem pessoal. Em uma das postagens, uma garota enviou a foto de seus lábios com formato bem diferente: os pequenos lábios são escuros, ficam para fora da genitália, meio que dependurados. Ela pediu a opinião de Emma, dizendo que sua vagina parece ter um “pequeno pênis”, e questionando se deveria ou não optar pela cirurgia plástica. Emma respondeu com uma provocação: “só você pode decidir isso. Porém, é engraçado, que machos tenham a tradicional regra de serem fortes e sua genitália externa seja um símbolo dessa força. Por outro lado, as mulheres são tidas como fracas e suas também genitálias são, e devem ser escondidas de uma forma submissa. Isso parece certo?”.

O “Large Labia Project” pode ser considerado uma iniciativa feminista, mas nem por isso deixa de receber visitas masculinas. Alguns homens comentam que passearam pelo Tumblr usando apenas uma mão, mas há também reações surpreendentes. Um dos emails postados no Tumblr diz:

“Bom dia, Emma. Eu sou um velho pervertido que chegou até o seu site. Eu fiquei imediatamente excitado com as fotos postadas, mas depois de ler os textos e as suas respostas a eles eu fiquei menos excitado e mais interessado. Eu te dou os parabéns por ter criado um grupo de mulheres que sentem-se mais confiantes com o que elas receberam ao nascer. Ninguém neste mundo foi construído de forma perfeita e isto é o que nos faz perfeitos. (…) Obrigado por ter criado este site e ter feito este velho pervertido mais sensível com algo que muitas mulheres precisam lidar”.

Algumas das postagens mais recentes do Tumblr falam de assuntos derivados do seu tema central, como depilação e sexo oral. Um grande indicativo de que as milhares de mulheres que deixaram um pouco das suas histórias ali já compreenderam que ser diferente é bem normal.

some random quote lost in here.